Saúde como direito, saúde mental, financiamentos adequados e suficientes e consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), foram os eixos trabalhados na 6° Conferência Municipal de Saúde. O evento foi realizado na sexta-feira (12), na Câmara dos vereadores pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) em parceria com o Conselho Municipal de Saúde (CMS).

Com o tema “Democracia e Saúde”, a conferência visou a elaboração de propostas para melhorias no atendimento ao público e na eficácia do Sistema Único de Saúde (Sus). As propostas apresentadas foram votadas, e as aprovadas serão levadas a esfera Municipal, Estadual e Federal. “É ir lá e defender a propostas que foram aprovadas hoje aqui”, completou a Secretária Municipal de Saúde, Manoela Nunes de Souza.

Também foram eleitos por votação, os delegados e suplentes que defenderão as propostas do município, na 9° Conferência Estadual de Saúde, que será realizada entre os dias 03 e 05 de julho em Cuiabá. Ficando Yasmin Alves Pereira como delegada e Damiana Silva Ribeiro para suplente como usuária da rede de saúde; delegada da esfera governamental, Nelcy Pio Peron, e suplente Raquel Aparecida David Rezende; e o delegado Alan Christian de Araújo dos Santos, com o suplente Demerval Carvalho de Freitas para representar o campo da saúde.

A conferência foi prestigiada com palestras de autoridades de Alto Araguaia e de outros municípios, como a Secretária de Saúde de Alto Garças, Renata Martins, a representante do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems/MT), Katlin Cristina de Oliveira, o Médico municipal, Alan Christian, e Ricardo Venero, Assessor técnico de Cuiabá. A reunião contou ainda com a apresentação teatral do Núcleo de Apoio a Saúde da Família (Nasf), sobre as dificuldades que o usuário do SUS enfrenta durante o atendimento.

LEIA MAIS