$urlimagem[0]

Alto Araguaia, MT – A disputa do Campeonato Brasileiro Infanto Juvenil de Tênis, realizado em Cuiabá no último final de semana, ainda traz boas recordações para os atletas que fazem parte do Projeto Todos no Tênis desenvolvido no município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá). E não é para menos: a equipe comandada pelo professor Carlos Henrique Rezende de Carvalho, o Rochinha, foi campeã da primeira classe e vice-campeão da segunda classe. [caption id="attachment_18996" align="alignright" width="319"]Cópia de Nova imagem Professor Rochinha e um dos atletas de Alto Araguaia durante entrega da premiação[/caption] A cada raquetada ou partida está fresca na lembrança dos atletas. Depois de partidas com alto nível técnico, a equipe de Alto Araguaia foi campeã na primeira classe ao atingir um total de 60 pontos, 20 a mais que a vice-campeã de Mato Grosso do Sul. Na segunda classe, Alto Araguaia ficou com o vice-campeonato ao somar 40 pontos. Cuiabá sagrou-se a campeã ao obter 60 pontos. “Além disso, os garotos de 10 a 16 chegaram às semifinais. Foi uma excelente participação. A prefeitura e a SEMEL deram todas as condições e com a estrutura que nos foi oferecida os atletas corresponderam”, apontou o professor Rochinha. E as raquetadas do tênis de Alto Araguaia não param. Depois do Campeonato Brasileiro Infanto Juvenil a equipe já se prepara para primeira etapa do Circuito Sul Mato-grossense, em Primeira do Leste. Além dos anfitriões e Alto Araguaia, equipes de Rondonópolis, Campo Verde e Barra do Garças também estarão envolvidas na disputa, que acontece no próximo final de semana. “Já fomos campeões desta competição em 2012 e vamos com tudo para buscar o bi-campeonato”, disse. Ao longo do ano devem ser disputadas seis etapas. A segunda será justamente em Alto Araguaia entre os dias 18 e 21 de abril. Os jogos devem concentrar-se nas quadras do Projeto e na Associação Atlética Banco do Brasil. Com as competições previstas ao longo do ano e os bons resultados já obtidos neste primeiro bimestre do ano, o professor Rochinha tem boas perspectivas para o tênis de Alto Araguaia. “O trabalho está dentro do contexto. Estamos trabalhando firmemente e se Deus quiser até o final do ano Alto Araguaia vai atingir a pontuação necessária para que chegar à categoria A-1 do brasileiro do tênis”, disse o professor Rochinha.

LEIA MAIS