Objetivo é de centralizar atendimento e facilitar acesso aos contribuintes

Réulliner Rodrigues | Assecom/ AIA

A partir desta segunda-feira (15/01), a Secretaria de Finanças e Planejamento (SEFP) passa a atender no prédio próprio da Prefeitura. A mudança faz parte de uma série de ações planejadas pela administração. O objetivo é centralizar os serviços e promover uma maior agilidade no atendimento ao público, principalmente por conta da ampla estrutura do novo Paço Municipal.

A mudança para o novo prédio da Prefeitura foi concluída na tarde desta sexta-feira (12). O secretário Telles Lincoln Rezende Pimentel disse que a mudança estava prevista. O objetivo é otimizar as ações, pedido feito formalmente pelo prefeito Gustavo Melo (PSB).

“Toda mudança traz um transtorno inicial. Por conta deste processo ocorreu a interrupção no atendimento por parte da secretaria nesta quinta e sexta-feira. A comunidade entendeu a necessidade e a partir desta segunda-feira os serviços da secretaria passam a ser disponibilizados no novo prédio da prefeitura”, observou.

CENTRALIZAÇÃO DE SECRETARAIS - Desde a mudança da sede provisória da Prefeitura para a sede própria em outubro de 2017, várias secretarias que anteriormente ocupavam imóveis alugados foram transferidas para a Avenida Carlos Hugueney.

O novo prédio tem pouco mais de 4.430 m². São em torno de 70 salas para abrigar secretarias, departamentos, arquivo, almoxarifado, atendimento ao público, área de convivência, área de recepção, gabinete do prefeito, entre outros. A novo prédio ainda possui um auditório para 140 pessoas, estacionamento no térreo com 1.026 m² com 40 vagas, além de conjunto de banheiros masculino, feminino e para portadores de necessidades especiais (PNE).

Desde a inauguração em outubro passado, as secretarias de Administração, Agricultura, Meio Ambiente, Indústria e Comércio, Educação, o setor de engenharia da Secretaria de Obras, o Procon, Junta Militar, Sebrae, Sefaz, e o Centro de Atendimento Empresarial (CAE) funcionam no novo prédio do Paço Municipal.

LEIA MAIS