As ações de combate ao mosquito Aedes aegypti transmissor da dengue, zika vírus e febre Chikunguny no município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá) se multiplicam a cada dia. Além da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), as escolas da rede municipal de ensino desenvolvem frentes de atuação com envolvimento de alunos e professores. Embora a junção de esforços, ainda falta consciência de muitos moradores que não mantém terrenos e quintais limpos.

Na manhã dessa sexta-feira (12), foi a vez dos alunos da Escola Lourença Afonso de Melo empreenderem esforços no combate ao mosquito. Supervisionados por professores, os alunos com luvas e sacos plásticos percorram o entorno da unidade de ensino recolhendo materiais que possam acumular água para eliminar potenciais focos do mosquito. Visando a conscientização das crianças sobre os riscos da doença, a escola desenvolve o Projeto ‘Dengue Aqui Não’.

OUTRA AÇÃO – Na quinta-feira (11), a ação de conscientização foi empreendida por alunos da Escola Adalcy da Conceição Rodrigues por conta do mutirão de limpeza que acontecerá no Bairro Gabiroba e Demellas a partir de segunda-feira, 15 de abril. Eles percorram ruas e avenidas do bairro entregando panfletos de orientação aos moradores.

Em outras frentes, a Secretaria de Saúde atua conjuntamente com a Vigilância Ambiental fazendo o bloqueio e intensificando as visitas domiciliares com os agentes de endemias e agentes comunitários de saúde (ACS).

“É um trabalho contínuo por parte da Secretaria de Saúde. Ganhamos o reforço das escolas. Esse reforço é imprescindível para o enfrentamento do Aedes aegypti. Quanto mais pessoas envolvidas melhor será o resultado. Necessitamos também do envolvimento da população. É necessária a conscientização de manter terrenos e quintais sempre limpos, além de atender os agentes”, disse a secretária de saúde, Manoela Nunes de Souza.

Gallery Thumb 1 Gallery Thumb 1 Gallery Thumb 1

LEIA MAIS