Ato histórico reuniu várias autoridades do Estado. Empreendimento é inédito em Mato Grosso e prevê investimento de R$ 9,5 bilhões.

O prefeito Gustavo Melo (PSB); o vice-prefeito Freud Fraga (DEM) e lideranças locais participaram, nesta quinta-feira (8), da cerimônia de entrega da Licença Prévia (LP) que autoriza a instalação da fábrica de celulose no município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá). A cerimônia foi conduzida pelo governador Mauro Mendes (DEM) que entregou o documento ao CEO da Euca Energy, o ex-senador e empresário do agronegócio Gilberto Goellner. O ato contou ainda com as presenças do vice-governador Otaviano Pivetta; da primeira-dama Virgínia Mendes; o senador Cidinho Santos; o deputado estadual Max Russi e o deputado federal Juarez Costa.

Os vereadores Deusdete Xixica, Henrique Pyter, André Leal e Zé Airton representando a Câmara de Vereadores; a advogada Katiusuane Ferreira de Souza (9° subseção OAB de Alto Araguaia); os empresários Noêmia e Valdir Niedermeyer representando o Rotary Club; Benedito Valério dos Santos (Loja Maçônica União do Araguaia); a presidente da ACEAIA, Marilene Rezende e o diretor da entidade Antônio José Buono Júnior; e o assessor do deputado Juarez Costa, o araguaiense Marco Aurélio, também participaram da cerimônia no Palácio Paiaguás.

Com investimento estimado em R$ 9,5 bilhões para produzir 2 milhões de toneladas de celulose branqueada de eucalipto por ano, o empreendimento deve gerar mais de 8 mil postos de trabalho no pico da obra. Na fase de operação, aproximadamente 4.400 vagas, sendo 1.200 postos na indústria e 3.200 na área florestal.

 

Conforme o prefeito Gustavo Melo, a divulgação das potencialidades do município focado no atrativo modelo logístico foi fundamental para ser escolhido para receber o empreendimento. "Alto Araguaia é um município altamente competitivo. Alto Araguaia tem tudo para experimentar uma nova matriz econômica com geração de emprego e renda. Foi um dia histórico para Alto Araguaia. Com planejamento e com os pés no chão estamos recolocando a cidade nos trilhos do desenvolvimento”, disse.

Para o prefeito, o empreendimento é de extrema importância para o município. “É um projeto que trará muitos benefícios. Além de elevar a autoestima da população local vai criar uma nova perspectiva de futuro nas pessoas, vai melhorar a geração de renda e o número de empregos”, destacou.

O governador Mauro Mendes (DEM) elogiou o empreendimento e destacou os esforços da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA) visando dar agilidade no processo de emissão da Licença Prévia (LP). “É um momento extremamente importante na história do Estado de Mato Grosso. É o maior empreendimento privado do Brasil. Quero parabenizar o ex-senador Gilberto, toda Secretaria de Meio Ambiente que trabalhou neste licenciamento em um tempo bastante rápido em um momento que precisamos autorizar que os investimentos aconteçam em Mato Grosso para o bem de todos nós. Parabéns a todos pelo investimento. Que Deus abençoe nas próximas etapas”, frisou o governador.

VANTAGENS X PRODUÇÃO - Entre os principais benefícios do empreendimento para a região estão o aumento na arrecadação de impostos, o crescimento da renda per capita, a melhoria na qualidade de vida da população e as novas oportunidades de emprego. A planta da Euca Energy em Alto Araguaia terá capacidade de cogeração de energia de 372 MW, sendo que 201 MW serão utilizados na própria fábrica. O excedente, 171 MW, será comercializado.

LEIA MAIS