Pela primeira vez na história de Alto Araguaia (MT) professores da rede municipal de ensino receberam o pagamento proporcional a um terço das férias. A garantia foi concedida pelo prefeito Gustavo Melo (PSB) após detectar que o município não cumpria com o direito garantido desde 2009 através da Lei 2.610. Ao todo, foram pagos R$ 58.578,10 para 77 profissionais da educação que trabalham diretamente em sala de aula.

De acordo com a lei, o professor da educação básica em efetivo exercício tem garantido 45 dias de férias anuais, porém recebiam apenas 30 dias. O terço de férias equivale aos 15 dias concedidos no mês de julho.

 “De forma planejada e equilibrada, demos mais um passo importante na garantia dos direitos e da valorização destes profissionais. Dialogamos e detectamos esta falha antiga. Temos trabalhado e avançado com investimentos que beneficiam a comunidade, alunos e professores”, destaca Gustavo Melo.

Ainda de acordo com o chefe do executivo, os profissionais receberão o terço de férias referente aos anos de 2017 e 2018. “É a primeira vez que eles recebem pois estamos corrigindo esta omissão. Regularizamos este ano e providenciamos a regularização daquilo que deixou de ser pago em nossa administração, criando condições para que os professores possam reivindicar a diferença que deixou de ser paga em gestões anteriores”, pontua.

LEIA MAIS