A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (SEADS), em parceria com o Conselho Municipal da Criança e Adolescente (CMDCA), a Proteção Especial, o Corpo De Bombeiros e o Centro de Referência e Assistência Social (CRAS), começou na segunda-feira (13) a Campanha Faça Bonito de Combate ao abuso e a Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O objetivo é fomentar a conscientização da população acerca dos direitos da Criança e Adolescente. A ação teve como ponto de partida as escolas do município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá).

A campanha Faça Bonito tem a finalidade de chamar a sociedade para assumir a responsabilidade de prevenir e enfrentar o problema da violência sexual praticada contra crianças e adolescentes no Brasil. Denúncias podem ser feitas através do Disque 100 ou 190. A ligação é gratuita e sigilosa.

A campanha visa orientar jovens, através de palestras, sobre a importância de denunciar agressores. Também foram distribuídos panfletos e 200 camisetas doadas pelo CMDCA. As peças foram confeccionadas por reeducando do sistema prisional de Alto Araguaia.

Na próxima terça-feira (21), será realizada uma caminhada aberta para toda a população. A aglomeração e saída será da Praça do Tiradentes, no Boiadeiro, a partir da 7h. Também serão entregues panfletos e camisetas a comunidade.

HISTÓRIA

As ações são intensificadas nos meses de abril e maio em alusão ao Dia Nacional de Combate Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, promovido no dia 18 de maio. A data foi escolhida devido a um crime ocorrido em 1973, em Vitória (ES), quando Araceli Cabrera Sanches foi sequestrada, espancada e abusada sexualmente por dois homens. Seu corpo foi encontrado carbonizado em um matagal seis dias após o desaparecimento. Seus agressores nunca foram punidos

LEIA MAIS